Terça-feira, 1 de Novembro de 2005

Never your hands had been empty

The Black Brunswicker   Sir John Everett Millais 1860.jpg

Never your hands had been empty,

In them the power to transcribe your thoughts

In the left the wisdom...

In the right the reflection

In one

You place the water of the life

In the other

You serve your delight as hidden

Never lost pearls empty your hands...

And if of new feeling the sadness of the emptiness in you

It binds to the thought

It orders to blow the wind

It opens a smile in the face and say :

I am happy!

Because I have you in me

Without having you here...



Cisal
publicado por cisal às 19:48
link do post | comentar | favorito
|
5 comentários:
De Anónimo a 19 de Janeiro de 2006 às 02:24
Agradeço a visita que fizeste ao meu blog. Agradeço também teres-me dado a conhecer o teu. Já vi que há muitas coisas para ler... Até pela bela música merece ser visitado !...Filipe Freitas
(http://topazio1950.blogs.sapo.pt/)
(mailto:aviador51@iol.pt)


De Anónimo a 18 de Janeiro de 2006 às 16:03
hei... olá... chego a casa F5: alguém deixou uma mensagem, leio, mensagem simpática, daquelas que gosto de ler... procuro um pouco mais e vim ter aqui, ao teu blogue amarelito, despreocupado quem sabe um pouco abandonado... um abraço muito grande para ti. ruizocas
(http://bloguesfera.blogs.sapo.pt/)
(mailto:ruizocas@hotmail.com)


De Anónimo a 11 de Janeiro de 2006 às 12:14
...é bom saber que continuas por aí!!
...por aqui..., continuas sempre!!andy
</a>
(mailto:andrecbreis@hotmail.com)


De Anónimo a 13 de Novembro de 2005 às 16:18
Há tanto tempo que não lia nada por aqui...
Bj**Luís
(http://rotacaodostempos.blogs.sapo.pt)
(mailto:0164378702@netcabo.pt)


De Anónimo a 5 de Novembro de 2005 às 19:39
Never.
Em português também ficaria bonito. Beijinhos.Maria do Céu Costa
(http://www.maisquepalavras.blogs.sapo.pt)
(mailto:mariaceucosta@sapo.pt)


Comentar post